Impactando uma geração

Day 6 of 10 • This day’s reading

Devotional

Ester

A história da rainha Ester nos ajuda a aprender que atitudes fazem parte da vida de um herói da fé.  

Deixe de olhar para si mesmo e olhe ao seu redor.  A carta de Mordecai ajudou a rainha Ester, acostumada a cuidar de si, a olhar para seu povo em tristeza e pranto, na cidade de Susã, ameaçado de ser extinguido como povo judeu.

A princípio, a rainha Ester tentou aliviar a situação de seu povo (os judeus) com atitudes superficiais. Mas nosso dever cristão nos faz sentir que não basta, é preciso ter um envolvimento pessoal. Aliviar sua consciência, sem envolvimento pessoal não produz frutos para a salvação! Primeiro, Ester mandou roupa para seu tio/pai. Depois, enviou seu secretário para ajudar seu pai adotivo. Ver as necessidades dos outros, seus problemas como uma forma de ajudar só para aliviar a nossa consciência, não é ter um senso de missão!

Aliviar nossa consciência por meio das obras de outros, de dádivas, posição social, não produzem frutos para o Reino de Deus em nossas vidas. 

Busque em Deus o poder para realizar os desafios que Ele coloca em sua vida. Ester se envolveu com todos os judeus em um jejum de três dias, antes de se apresentar ao rei. Ela entendeu sua responsabilidade, assumiu um envolvimento pessoal, até correndo risco de morte e contou com a mão poderosa de Deus, dedicando-se à oração e jejum. E Deus honrou esta sua fidelidade para com o povo de Deus e os planos de salvação do próprio Deus!

Deus teve um plano especial em fazer de Ester uma rainha. Um propósito definido! Ore e peça-lhe para reconhecer o Seu plano para sua vida. Não se esqueça: se não obedecermos, Deus usa outras pessoas para cumprir Seu plano.

Plano de leitura elaborado por Pastor Paschoal Piragine Jr - Primeira Igreja Batista de Curitiba