Cruzando a Linha De Chegada

Dia 2 de 3 • Leitura do dia

Devocional

SEGUNDO PASSO: PROSSEGUIR


O segundo passo que precisamos dar em nossa jornada é “prosseguir para o alvo”. 


Nas corridas de Fórmula 1, cada milésimo de segundo conta para a vitória. Quanto menos tempo o piloto fica parado no pit stop, mais chances ele tem de ganhar. 


Em nossa vida, vamos encontrar muitos pit stops no meio do caminho. Alguns são saudáveis, pois não podemos continuar avançando quando nosso sistema apresenta mau funcionamento. Não podemos pular períodos de restauração, como o processo de luto, o tempo de descanso e a recuperação de nossa saúde. 


O perigo ocorre quando ficamos estagnados em traumas e decepções. Moisés fugiu do Egito, ao enfrentar a perseguição dos egípcios e a rejeição dos hebreus. Ele fez seu pit stop em Midiã, lugar onde encontrou moradia, arrumou trabalho, se casou e teve filhos (Êxodo 2:11-22). Midiã era uma zona de conforto para Moisés, mas ali ele não poderia cumprir o propósito para o qual nasceu: ser o libertador de Israel. O Senhor teve que despertá-lo, para que ele pudesse enfrentar seus traumas, voltar ao Egito e confrontar Faraó (Êxodo 3).


Deus sempre vai nos tirar de nossas zonas de conforto. Ele sabe que a acomodação mata nosso chamado e enfraquece nossa autoridade. Por mais que pareça difícil revisitar o local de nossas decepções, o Senhor só faz isso porque deseja nos fazer superar nossos fracassos e dar desfecho às experiências ruins que nos paralisaram. 


Qualquer um é capaz de começar, mas apenas os vitoriosos prosseguem após encontrar barreiras no meio do caminho. Os pit stops são locais de renovação, mas eles de nada servem se não se tornarem lugares de superação. E para que isso aconteça, é preciso deixá-los para trás e continuar prosseguindo. 


É por isso que o Ap. Paulo afirma que quem deseja alcançar a coroa da vitória precisa se dominar em tudo. A empolgação só nos faz chegar até certo ponto, mas é nossa disciplina física, mental, emocional e espiritual que nos faz alcançar nossos alvos. A chave para “combater o bom combate, completar a carreira e guardar a fé” (2 Timóteo 4:7) é ser perseverante e constante. 


Não importa se você começará dando um passo de cada vez, ao criar pequenos hábitos, como fazer cinco abdominais por sessão, estudar um capítulo de um livro por vez ou ler a Bíblia quinze minutos por dia, o importante é que você se mantenha firme em perseguir seus objetivos. Aquele que é fiel sobre o pouco, sobre o muito será colocado (Mateus 25:21). Por isso, recuse-se a ficar estagnado!