Aceitando Sua Identidade

Dia 1 de 5 • Leitura do dia

Devocional
Rótulos



Tive muitos rótulos na vida - introvertido, leal, filho mais velho responsável, inseguro, não bom o suficiente - a lista poderia continuar. Infelizmente, ao longo dos anos adotei o que foi dito e acreditei nisso, mesmo que no meu coração o rótulo não se encaixasse ou não gostasse disso.



Mesmo nos últimos seis anos, quando fiz uma viagem difícil durante a época mais sombria da minha vida, lutei com rótulos que o inimigo sussurrou em meu ouvido. Eu estava destruído, irredimível, inútil e um desapontamento para Deus e para as pessoas com quem me importava.



No entanto, algo começou a mudar em mim enquanto trabalhava a bagunça e buscava a cura de Deus naquela época. Comecei a deixar o que Deus diz sobre mim em Sua Palavra destruir os rótulos do inimigo em mim. Comecei a ver quem eu era em Cristo e o poder redentor da cruz em minha vida.



Eu fiz isso e não só os rótulos recentes começaram a se romper, mas também os antigos, como correntes enferrujadas. Comecei a deixar de lado as palavras e descrições dolorosas que me foram ditas durante décadas. Comecei a encontrar minha identidade.



Talvez você tenha rótulos próprios: pai, sem esperança, rejeitado, cônjuge, esquecido, empregado, não amado. Talvez também sejam palavras que as pessoas falaram sobre você ou cicatrizes que deixaram a lembrança das feridas. O que quer que seja, os ecos tocam em a mente como um disco quebrado e começam a definir quem você é. De fato, você se encontra vivendo naqueles lugares, em vez da Palavra de Deus.



Um rótulo que você pode adotar é “filho de Deus”. O versículo de hoje é um lembrete de que Deus tem derramado Seu amor sobre você desde o momento em que foi criado por Ele, a cada reviravolta e enquanto você lê isso agora.



Este plano de leitura irá ajudá-lo a enxergar além dos rótulos negativos e começará a ver a si mesmo sob uma nova perspectiva. Minha oração é que hoje você comece uma jornada para encontrar sua verdadeira identidade em Cristo. A verdade é que, embora o passado tenha te moldado, ele não deveria definir você. Esta definição de quem você é pertence ao Criador do Universo e é deixada a você decidir quem se tornar.