Lares Acesos

Devocional

O céu governa


O primeiro passo para acender o fogo e transformar sua casa em um altar para o Pai é reconhecê-lo como aquele que tem autoridade na casa. Foi dito a Nabucodonosor que seu reino seria firme quando reconhecesse que o céu governa, que não há outra autoridade maior à do Pai.


Pedro nos diz que somos uma nação espiritual, que mora em uma nação terrestre, nos sujeitamos às leis do país em que vivemos, mas conscientes de que temos uma cidadania superior. Todas as nações da terra têm um governo natural, esse é o governo que estabelece leis e é a legislação que determina, em parte, a cultura do país. Apegar-se às leis do céu estabelece uma cultura em nosso lar. Essas leis são internas, escritas em nossos corações; leis como "ame o teu próximo", "perdoe aqueles que o ofendem", "fale com bondade" são aquelas que nos marcam por dentro e estabelecem uma cultura familiar: se seus filhos veem você reagir com paz na adversidade, com sabedoria nas encruzilhadas, com mansidão aos insultos, isto formará uma cultura que demonstrará o governo do céu em sua casa. Os capítulos de Mateus 5 a 7, o Sermão da Montanha, são como a constituição do Reino, onde você encontrará princípios básicos pelos quais viver.


O céu governa quando as coisas não são feitas de acordo com o que tal pessoa diz ou como eu aprendi, mas como o Pai estabelece. Quando minha vontade não é feita, mas a dEle sim, os conflitos são trabalhados de outra maneira. Por exemplo, um casal pode ter uma visão diferente sobre algum assunto, mas se os dois se permitem serem governados por Deus, eles não vão impor seu ponto de vista, mas, com humildade, eles irão consultar o que o Senhor acha sobre isso, sem dar lugar à divisão ou discórdia, mas preservando o vínculo do amor em paz. 


Que aqueles que compõem seu lar façam um pacto para deixar que as leis de Deus governem sua casa. Essa será a centelha que acenderá o fogo. Que concordem que, em todas as situações, procurarão que Ele reine. Isto os manterá acesos.


DESAFIO


- Façam um acordo familiar para viver em casa a cultura do Reino, consultando Deus em qualquer circunstância.


- Leiam e estudem Mateus 5, 6 e 7 juntos, procurando os princípios do Reino e como vivê-los.


- Em cada desafio que surgir, como uma família, se perguntem: O que o Senhor quer?


Marcos Brunet