Paralelo
22
Terceiro diálogo
Caps. 22—27
Terceira fala de Elifaz
Cap. 22
Você cometeu muitos pecados
1Então Elifaz, da região de Temã, em resposta disse:
2“Será que uma pessoa, por mais sábia que seja,
poderia ser útil para Deus?
3Será que interessa ao Todo-Poderoso que você seja honesto?
Que lucro tem ele se você é correto em todas as coisas?
4Se ele o castiga e o chama para prestar contas,
não é porque você o adora com todo o respeito,
5mas sim porque cometeu muitos pecados,
e as suas maldades não têm conta.
6Como garantia de um pequeno empréstimo,
você ficava com as roupas dos seus patrícios
e assim os deixava nus.
7Você não dava água para as pessoas cansadas
nem comida aos que tinham fome.
8Você usou a sua posição e o seu poder
para se tornar o dono da terra.
9Você roubou e maltratou os órfãos
e nunca ajudou as viúvas.
10Por isso, agora você está cercado de perigos,
e, de repente, o medo toma conta de você.
11A escuridão é tanta, que você não enxerga nada,
e uma enchente o arrasta.
Você quer andar no caminho dos maus?
12“Deus está nas alturas do céu;
ele olha para baixo e vê as estrelas,
embora elas estejam lá no alto.
13Mas você pergunta: ‘Será que Deus sabe alguma coisa?
As nuvens escuras ficam no meio;
como é que ele pode nos julgar?’
14Jó, você acha que as grossas nuvens não deixam que Deus nos veja,
quando ele está passeando pelo céu?
15“Será que você quer andar nos caminhos
que os maus têm seguido desde os tempos antigos?
16Eles morreram de repente,
como se fossem levados por uma enchente.
17A Deus eles diziam:
‘Deixa-nos em paz!’
E comentavam:
‘O que pode o Todo-Poderoso fazer em nosso favor?’
18Foi Deus quem encheu de coisas boas as casas dos maus,
porém eu não quero pensar como eles.
19As pessoas honestas ficam alegres,
e as corretas riem,
20ao verem que as riquezas dos maus são destruídas
e que as sobras são devoradas pelo fogo.
Faça as pazes com Deus
21“Jó, faça as pazes com Deus,
deixe de tratá-lo como inimigo,
e assim ele dará a você tudo o que há de bom.
22Deixe que Deus o ensine
e guarde as palavras dele no seu coração.
23Se você voltar para o Todo-Poderoso e se humilhar,
se você acabar com a maldade que há na sua casa,
24se o ouro mais precioso não tiver valor para você
e for como o pó ou as pedrinhas do ribeirão,
25então o Todo-Poderoso será o seu ouro puro,
será a sua prata mais preciosa.
26Ele será a sua alegria,
e você poderá olhar para ele com confiança.
27Ele ouvirá as suas orações,
e você lhe dará o que prometer.
28Tudo o que você fizer dará certo,
e a luz brilhará no seu caminho.
29Deus rebaixa os orgulhosos,
mas salva os humildes.
30Ele o salvará se você for inocente,
se for correto em tudo o que fizer.”