Um evangelho de esperança

Dia 1 de 7 • Leitura do dia

Devocional

Esperança é lembrar


Quero que você pense no que acontece quando esquecemos, o que acontece quando abrimos mão da história e imaginamos que somos sofisticados demais, quando praticamos a amnésia. Eu lhe digo o que acontece. Abrimos mão da maravilha da fartura. Desconsideramos o milagre de generosidade de Deus. Começamos a imaginar que há escassez de alimento, de amor, de vida.


E, impelidos pela escassez, esforçamo-nos para conseguir o que é nosso, e para ter cada vez mais, pisoteando e esmagando nosso próximo, passando por cima dele. A economia ocidental é radicada na ideia de escassez e, portanto, vamos à luta. Os pobres se viram com roubo, violência e ameaça. Os poderosos se viram com investimentos, incentivos fiscais, crédito e exploração. E, juntos, ricos e pobres criam uma selva de ansiedade, brutalidade e violência. 


É isso que o esquecimento produz. 


Mas nós lembramos. E, por isso, sabemos que a vida e a economia impelidas pela escassez são uma fraude. Lembramo-nos de nos desvencilhar da fraude da escassez. Lembramo-nos do evangelho de que há suficiente, o alimento é concedido, Deus é generoso. A tarefa de lembrar consiste em nos desvencilhar das amarras da escassez que nos escraviza.