Paralelo
24
Josué se despede do povo
1Depois Josué reuniu todas as tribos de Israel em Siquém e chamou os anciãos de Israel, os seus chefes, os seus juízes e os seus oficiais, e eles se apresentaram diante de Deus. 2Então Josué disse a todo o povo:
— Assim diz o Senhor, Deus de Israel: “Antigamente, os pais de vocês, incluindo Tera,#Gn 11.27 pai de Abraão e de Naor, viviam do outro lado do Eufrates e serviam outros deuses. 3Eu, porém, trouxe Abraão,#Gn 12.1-9 o pai de vocês, do outro lado do rio e o fiz percorrer toda a terra de Canaã. Também multipliquei a descendência dele e lhe dei Isaque.#Gn 21.1-3 4A Isaque dei Jacó e Esaú.#Gn 25.24-26 A Esaú dei#Gn 36.8 como propriedade as montanhas de Seir, mas Jacó e seus filhos desceram#Gn 46.1-7 para o Egito. 5Então enviei Moisés e Arão#Êx 3.1—12.42 e castiguei o Egito com o que fiz ali; e, depois, tirei vocês de lá. 6Quando tirei os seus pais#Êx 14.1-31 do Egito, vocês chegaram até o mar. Os egípcios perseguiram os pais de vocês, com carros de guerra e cavaleiros, até o mar Vermelho. 7Os pais de vocês clamaram e o Senhor pôs escuridão entre vocês e os egípcios, e trouxe o mar sobre eles, e o mar os cobriu. Vocês viram com os seus próprios olhos o que eu fiz no Egito. Depois vocês viveram no deserto por muito tempo.
8— Daí eu os trouxe à terra dos amorreus,#Nm 21.21-35 que moravam do outro lado do Jordão. Eles lutaram contra vocês, mas eu os entreguei nas mãos de vocês. Vocês tomaram posse da terra deles, e eu os destruí diante de vocês. 9Então o rei de Moabe, Balaque,#Nm 22.1—24.25 filho de Zipor, se levantou e lutou contra Israel. Mandou chamar Balaão, filho de Beor, para que os amaldiçoasse. 10Porém eu não quis ouvir Balaão, e ele teve de abençoar vocês. E assim eu os livrei das mãos de Balaque.
11— Vocês atravessaram o Jordão e chegaram a Jericó.#Js 6.1-21 Os moradores de Jericó lutaram contra vocês e o mesmo fizeram também os amorreus, os ferezeus, os cananeus, os heteus, os girgaseus, os heveus e os jebuseus. Porém eu os entreguei nas mãos de vocês. 12Enviei vespões#Êx 23.28; Dt 7.20 adiante de vocês, que os expulsaram de diante de vocês, bem como os dois reis dos amorreus. E não foram as espadas nem os arcos de vocês que fizeram isso. 13Eu lhes dei uma terra#Dt 6.10-11 em que vocês não trabalharam e cidades que vocês não haviam construído. Vocês estão vivendo nessas cidades, e comem das vinhas e dos olivais que não plantaram.”
Renovação da aliança
14— Agora, pois, temam o Senhor e o sirvam com integridade e com fidelidade. Joguem fora os deuses que os pais de vocês serviram do outro lado do Eufrates e no Egito e sirvam o Senhor.#Dt 10.12 15Mas, se vocês não quiserem#24.15 Lit., se for mal os seus olhos servir o Senhor, escolham hoje a quem vão servir: se os deuses a quem os pais de vocês serviram do outro lado do Eufrates ou os deuses dos amorreus em cuja terra vocês estão morando. Eu e a minha casa serviremos o Senhor.
16Então o povo respondeu:
— Longe de nós abandonar o Senhor para servir outros deuses! 17Porque o Senhor é o nosso Deus. Ele é quem nos tirou, a nós e aos nossos pais, da terra do Egito, da casa da servidão. Ele é quem fez estes grandes sinais aos nossos olhos e nos guardou por todo o caminho em que andamos e entre todos os povos pelo meio dos quais passamos. 18O Senhor expulsou de diante de nós todas estas gentes, até o amorreu, morador da terra. Portanto, nós também serviremos o Senhor, pois ele é o nosso Deus.
19Então Josué disse ao povo:
— Vocês não poderão servir o Senhor, porque é Deus santo, Deus zeloso,#Êx 20.5 que não perdoará a transgressão e os pecados de vocês.#Êx 23.21 20Se abandonarem o Senhor e servirem deuses estranhos, ele se voltará contra vocês, e lhes fará mal, e os destruirá, depois de lhes ter feito bem.
21Então o povo disse a Josué:
— Não! O que queremos é servir o Senhor.
22Josué disse ao povo:
— Vocês são testemunhas contra vocês mesmos de que escolheram o Senhor para o servir.
E eles disseram:
— Sim, somos testemunhas.
23E Josué continuou:
— Agora, pois, joguem fora os deuses estranhos que há no meio de vocês e inclinem o coração ao Senhor, Deus de Israel.
24O povo disse a Josué:
— Ao Senhor, nosso Deus, serviremos e obedeceremos à sua voz.
25Assim, naquele dia, Josué fez aliança com o povo e lhes deu estatutos e juízos em Siquém. 26Josué escreveu estas palavras no Livro da Lei de Deus. Pegou uma grande pedra e a erigiu ali debaixo do carvalho que estava junto ao santuário do Senhor. 27Então Josué disse a todo o povo:
— Eis que esta pedra nos será testemunha, pois ouviu todas as palavras que o Senhor nos tem dito. Portanto, será testemunha contra vocês, para que não mintam ao Deus de vocês.
28Então Josué despediu o povo, cada um para a sua herança.
A morte de Josué e de Eleazar
Jz 2.6-9
29Depois destas coisas, Josué, filho de Num, servo do Senhor, morreu com a idade de cento e dez anos. 30Foi sepultado na sua própria herança, em Timnate-Sera,#Js 19.49-50 que fica na região montanhosa de Efraim, para o norte do monte Gaás.
31Israel serviu o Senhor todos os dias de Josué e todos os dias dos anciãos que ainda sobreviveram por muito tempo depois de Josué e que sabiam de todas as obras que o Senhor tinha feito por Israel.
32Os ossos de José,#Gn 50.24-25; Êx 13.19 que os filhos de Israel trouxeram do Egito, foram sepultados em Siquém, naquela parte do campo que Jacó havia comprado#Gn 33.19; Jo 4.5; At 7.16 dos filhos de Hamor, pai de Siquém, por cem peças de prata, e que veio a ser a herança dos filhos de José.
33Morreu também Eleazar, filho de Arão, e o sepultaram em Gibeá, cidade que pertencia a Fineias, seu filho, e que lhe tinha sido dada na região montanhosa de Efraim.