Parallel
4
1Digo porém que, enquanto o herdeiro é menor de idade, em nada difere de um escravo, embora seja dono de tudo. 2No entanto, ele está sujeito a guardiões e administradores até o tempo determinado por seu pai. 3Assim também nós, quando éramos menores, estávamos escravizados aos princípios elementares do mundo. 4Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido debaixo da Lei, 5a fim de redimir os que estavam sob a Lei, para que recebêssemos a adoção de filhos. 6E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho ao coração de vocês, e ele clama: “Aba#4.6 Termo aramaico para Pai., Pai”. 7Assim, você já não é mais escravo, mas filho; e, por ser filho, Deus também o tornou herdeiro.
A Preocupação de Paulo com os Gálatas
8Antes, quando vocês não conheciam a Deus, eram escravos daqueles que, por natureza, não são deuses. 9Mas agora, conhecendo a Deus, ou melhor, sendo por ele conhecidos, como é que estão voltando àqueles mesmos princípios elementares, fracos e sem poder? Querem ser escravizados por eles outra vez? 10Vocês estão observando dias especiais, meses, ocasiões específicas e anos! 11Temo que os meus esforços por vocês tenham sido inúteis.
12Eu suplico, irmãos, que se tornem como eu, pois eu me tornei como vocês. Em nada vocês me ofenderam; 13como sabem, foi por causa de uma doença que preguei o evangelho pela primeira vez a vocês. 14Embora a minha doença tenha sido uma provação, vocês não me trataram com desprezo ou desdém; ao contrário, receberam-me como se eu fosse um anjo de Deus, como o próprio Cristo Jesus. 15Que aconteceu com a alegria de vocês? Tenho certeza de que, se fosse possível, vocês teriam arrancado os próprios olhos para dá-los a mim. 16Tornei-me inimigo de vocês por dizer a verdade?
17Os que fazem tanto esforço para agradá-los não agem bem, mas querem isolá-los a fim de que vocês também mostrem zelo por eles. 18É bom sempre ser zeloso pelo bem, e não apenas quando estou presente. 19Meus filhos, novamente estou sofrendo dores de parto por sua causa, até que Cristo seja formado em vocês. 20Eu gostaria de estar com vocês agora e mudar o meu tom de voz, pois estou perplexo quanto a vocês.
Sara e Hagar
21Digam-me vocês, os que querem estar debaixo da Lei: Acaso vocês não ouvem a Lei? 22Pois está escrito que Abraão teve dois filhos, um da escrava e outro da livre. 23O filho da escrava nasceu de modo natural, mas o filho da livre nasceu mediante promessa.
24Isso é usado aqui como ilustração#4.24 Grego: alegoria.; estas mulheres representam duas alianças. Uma aliança procede do monte Sinai e gera filhos para a escravidão: esta é Hagar. 25Hagar representa o monte Sinai, na Arábia, e corresponde à atual cidade de Jerusalém, que está escravizada com os seus filhos. 26Mas a Jerusalém do alto é livre e é a nossa mãe. 27Pois está escrito:
“Regozije-se, ó estéril,
você que nunca teve um filho;
grite de alegria,
você que nunca esteve
em trabalho de parto;
porque mais são os filhos
da mulher abandonada
do que os daquela
que tem marido”#4.27 Is 54.1.
28Vocês, irmãos, são filhos da promessa, como Isaque. 29Naquele tempo, o filho nascido de modo natural perseguiu o filho nascido segundo o Espírito. O mesmo acontece agora. 30Mas o que diz a Escritura? “Mande embora a escrava e o seu filho, porque o filho da escrava jamais será herdeiro com o filho da livre”#4.30 Gn 21.10. 31Portanto, irmãos, não somos filhos da escrava, mas da livre.